music

sexta-feira, 10 de junho de 2016

Na'morada do meu coração




Porque amar-te como se fosses vida?
..."A morte sem ti me amedronta!"
Porque nasci no dia que me amou,
se me faltares tu, (a morte me encontra)

Mas não a morte sem o corpo!
Cujo a esse, as almas não mais têm...
Mas___ de___ ver___ lacunando
pelo meu rosto___?
A ausência de meu bem!

Longe de teu corpo -vago alma no além...

Quem dirás ao meu coração,
logo ao anoitecer,
(Que está chegando a hora?)
Que encontrarei você,
me esperando no portão...

"Pobre de mim sem ti meu amor, e agora?"

...Quais fantasias alimentarão os meus sonhos?
Se neste pedaço de noite, ela não mais existir...
Nem a noite me será desejada, nem tampouco o sono!
"Óh amanhecer desconsolado, ela não está aqui!"

Quando toquei-te os ouvidos,
com as minhas palavras de amor...
"Disse-te: Fica pra sempre comigo?"
Foi teu coração quem me escutou...

Teus beijos confirmam-te em querer,
e o teu corpo, entrega-te por mim...
Minha namorada
(ao teu lado eu aprendi a viver)
A vida não pode decretar o nosso fim...

E, se algum dia o meu coração se calar,
mesmo mudo, ainda assim, será teu
este amor que sinto por ti, não consegue se controlar...
Aprendeu a viver, no dia, em que o nosso amor nasceu. 

Logo chegaremos ao limite,
em que todas as lâmpadas serão apagadas...
Mas ainda assim meu coração insiste,
em te amar, pra sempre minha, namorada...
  


 (Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados