music

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Aptidão nômade!


Não tenho um marco, ou uma cruz!
Que me voltem ao inicio ou me indiquem um final.

Quem teme os ventos, não saberão ouvi-los,
 quem se rende ao tempo não conseguirá usufrui-lo!

 Tenho instinto correndo em meu sangue,
sabor, prazer e paixão -pela liberdade!

Lembranças, são ecos que tangem, à minha volta
e as distancias não existem, quando sinto saudades
sou tão instinto quanto o meu próprio sangue.
"De natureza forte -não me entrego a derrotas!"

 Posso ser a mais seca de todas as folhas
ou a mais leve de todas as plumas.
Foi o destino, quem julgou minhas escolhas,
eu mesmo as fiz, uma á uma.

Como faz a águia no céu
assim decide o leopardo na terra!

Sou filho da mais lúcida liberdade
O mais justificado de todos os réus.


"Verso livre, percorrendo primaveras
sempre haverá tempo, 
pra quem chegar as suas tardes
tão livre e ousado, como os ventos." 



(Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados