music

quinta-feira, 2 de junho de 2016

Ai de mim sozinho...




...Um copo de vinho vazio,
 um abajur apagado
 nos lençóis macios,
 teu cheiro ainda guardado.

No espelho um olhar,
diante de uma imensidão,
meu amor? Onde estás?
Não me deixaste a razão.

Me cobre a memória de ti,
com as lembranças que deixastes.
Quando partistes me levastes,
estou sozinho aqui.



(Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados