music

sábado, 25 de junho de 2016

As facetas de um olhar



Olhe-me com olhar distante,
aqui não poderás adentrar.
Titubeio calado e hesitante
palavras ditas -há te desafiar.

Olhe-me nos olhos e me veja,
como os reflexos do arco íris.
Não há lugar em ti aonde eu não esteja
olhe-me! Meu olhar é, uma sedenta raiz

-Procurando encontrar em ti,  segurança
para desembarcar os meus sentimentos.
Ou me encontre como ( tímida) a esperança
que deseja-lhe falar (sonhos que trago aqui dentro)

Me olhe como se olham os amigos,
como se imaginam os irmãos.
Me olhe como o proibido destino,
que afastou dois amante de seus corações.

No olhar sincero, habita quem somos
se nos meus olhos encontrar o que quer
(é o que eu espero) Então nos encontramos.


(Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados