music

sábado, 13 de agosto de 2016

Miro no reino Fungi (Prt 2)

[Miro no reino Fungi] (Prt:2) Continuação...

Hifa e Micélio a caminho

Aonde estou?
Pergunta Miro a Éon...
---------------------------------------
"Estás no principio 
aonde a (pequena) multidão se aglomera!"...
Nem sequer conheceremos o gigante inicio
ou ter o tamanho d'um grão
Bilhão vezes bilhão
que se proliferam.
"A ciência das estrelas d'sconhece o próprio chão!" 

[Éon]

"Bem vindo Miro
ao reino Fungi!"
O pés que enlaçam-se as raízes
são mais petizes/"são"/ mais felizes
Em um lugar se desconhece
(o motivo e a razão)
E se encontram nas cinzas
O ser vivo e o Ser não!

O reino sem fim se estende
a sua frente!
Não precisa ser muito para ocupar
O maior dos reinos 
nem precisa se mover de seu lugar
  o que se diz aqui, Também se sente ali.

Aqui a gratidão é devolvida
em um mutualismo assustador.
Por menor que seja a vida
não se confirmará sem amor.

Em seu lugar...
"Miro -eu desistiria de acordar!"

[Miro]

Não! "Éon não me prives a realidade
o sonho dorme dentro d'mim"
Dizes isto por não conhecer a saudade
(essa insaciável) Não aceita o fim!

[Éon]

Escuta Miro? Ouves tu este som?
São eonótemas de Fungi
Inefáveis mundos paralelos
a interagir com os septos
a harmonia da existência rege o tom.

Daqui podemos observar
Os grandes homens desaparecerem 
pós'menores  q'insetos.

[Miro]

Desejo seguir em frente!
...(Éon é longânimo)...
Teu saber confunde-me ó inteligente
e magnânimo Éon 

Quero ir embora, 
pra aonde as dores são sentidas!!!
O valente mortal se corrobora
 melhor q'tudo é a vida!

[Éon]

Miro segues então 
por estes Decompositores 
 eles redirecionam a vitalidade
o portal que rasga a solidão
convertem em trilhas caminhos de flores
Por estes chegarás há eternidade
finda logo ao porvir...

Na torre mais alta se esconde a promessa.
Só assim descobrirás
se há
como voltar.

Lá se foi Miro admirado
Do céu que jurava conhecer.
Das gigantes montanhas desprezadas
pelos homens ignoradas
O homem também foi desprezado
por tudo q'foi capaz de perder.

Ali Miro conheceu a cerimônia Lava-pés, 
dos exércitos vermelhos de 'scavar...

Os animais não tem sentimentos?
Ou são os homens que fingem ter fé?
(E por ela) 
sem motivos são capazes de matar
 para transformar em deserto a primavera.

Então Miro ...não! 
(Pensou e pensou e pensou)
"O irracional tem mais valor!!!"
 E a utopia daquele lugar lhe devolve a razão 

Todo trajeto é colorido
com cores inimagináveis!
A paz minuciosa
"Tem a famosa cor d'um sorriso"
e o Reino Fungi tem valor imensurável.

Miro já não sonhava
Miro estava vivendo
cada momento.
D'sses que não se acabam.

Quando viu o emaranhar infinito nos cabelos
de Hifa entrelaçadas a Micélio!
As paredes das casas tinham seus mesmos jeitos

Quitina menina acanhada se aproxima
Miro (já faz)algum tempo que renunciara o sacrilégio.

Agora caminha por Fungi admirado
Micélio é seu amigo Hifa sua nova irmã
Quitina é sua atenta 
Nas sombras úmidas mora o Sapo
Pesado e julgado por seu afã
Miro tomou pra si uma das virgens (Amena)
E seu enfado virou divã...

A'pressa não tem lugar aqui
(o menor ocupará o lugar maior)
Quem não cresceu terá porvir!!

Miro já descrente d'Deus
Por desacreditar, "quem é o Cristo?"
A jornada é Cosa Nostra
Um enredo (Miro não morreu)
Só foi o escolhido d'ntre todos os bichos
E levado a outro lugar
A estrada ida que chora 
sorrirá 'inda que haja demora 
em voltar.  
 ...

Ordem das sequencias deste conto
 
Prt 1) Miro no Reino Fungi (já postado) Link:
http://lorisvaldolopes.blogspot.com.br/2016/08/miro-no-reino-fungi.html
Prt 2) Hifa e Micélio pelo caminho (Já postado)
 Prt 3Um segundo amor aceito
Prt 4) "Amena" estou te amando 
Prt 5) Lagoas incógnitas  
Prt 6) A amizade a caminho de Fungi
Prt 6) Miro no reino Fungi
Prt 8) As menores coisas da vida (falam)
Prt 9) Miro escuta atento
Prt 10) Miro deseja ficar
Prt 11) As leis supremas de Fungi
Prt 12) Adeus Amena
Prt 13) Miro é devolvido
Prt 14) As lágrimas de um renascido
Prt 15) O reino dos mortais
Prt 16) Eterno seja Miro decreta O rei de Fungi
Prt 17) Fim...


Autor 
(Lourisvaldo Lopes da Silva)

Grato por tua leitura obg!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados