music

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Meu fado é leve




Tinha medo, quê fosse breve
E quê a eternidade durasse pouco
 
E a vida toda me fosse eterna
sendo distantes um do outro.
 
E que a distancia fosse infinita
E mesmo perto, não fosses minha

Sofre o olhar que finge
Na presença de quem ama

Não há como chegar...
Nem há como voltar...
-Não há!!!

"Pobre d'mim amiga"
(Penso eu) Por teu amor
Eterno sofrer em vida 
..."Pobre d'mim ó Deus!"
Livra-me dessa dor

...(e ele me atendeu) 
 
Meu fado é leve
Fala de amor como se fosse alheio
(Trovas acanhadas me perseguem)
Meu amor venha me ouvir!! E ela veio...

Se assentou em volta da fogueira
Para ouvir meu coração rimar
Em noites de lua cheia...
(Fui o dono do seu olhar)
 
 Só o amor saber ficar sozinho...
(E para sofrer) a sua dor
 transforma em carinho!)
 
 
 



(Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados