music

terça-feira, 20 de outubro de 2015

" Ocaso de Sophie"...



Existem pessoas quê precisam estar, para serem sentidas...
E outras insistem em alcançar o seu exigir ...
Madame Sophie, era única e, soberbamente independente...
Presente ou ausente, alheia sedutora, perdura em saudades,(de tão envolvente) ...

Na lembrança dos encantados... (a desejam por sorte)
E no coração dos apaixonados...(disputam cortejos)
Têm a marca e o impulso de poder...(suspirar ate o mais forte)

Invadindo pensamentos,
reagem vãs involuntários mais ninguém consegue a esquecer...
Ela se transforma em sentimentos!
E qual será? Que não queira a merecer?


Ela (basta) ao passar...
Trás as cores, difusas do arco íris!
Sinuosa se exibe (um verdadeiro desfile o seu caminhar)...
Já se adivinha quando pela primeira vez,  a virdes...
Ela e soberba não vai te pedir(mais ela vai ficar)

A beleza a acompanha apenas para apresenta-la...
(Está e Sophie)
 Pode admira-la, ao Ocaso...
A noite vem caindo, e poderá aprecia-la! 
E idêntica ao fim de tarde, de uma paixão...
Se vai deixando saudade, sempre lembrada uma doce canção!!



" Ocaso de Sophie"...


Autor:


lorisvaldolopes.blogspot.com.br
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados