music

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

"Homens de Aço!"




Certa vez tive um sonho,
que prefiro chama-lo de pesadelo!
Os homens tinham níveis consideráveis de massa atômica,
eram mais resistentes,e  pesados, "Aço puro!"
E viviam convictos que não conheceriam o final,
não se preocupavam mais com o futuro!
Estavam imunes as doenças,
e o ecossistema não mais necessário,
se perdeu em meio a tanta insistência!

E seus filhos eram fortes e semelhantementes iguais...
Ouve se então a necessidade de se adaptarem, ao novo corpo,
não conseguiam se movimentar como nos tempos de outrora!
Tempos maleáveis,
de um corpo tido por superável!   E agora?
Os campos e parques e todos os lugares de lazer estavam vazios!
E o tempo de descontração entre as crianças, era tido desnecessário desafio! 


Tudo havia sido reduzido a um mínimo necessário,
menos lazer, menos diversão, menos toque, menos abraços!
Era uma imposição oposta ao (ser) voluntario!


A ciência vivia seu ápice!
E as religiões foram desconsideradas e desnecessárias!
Os homens de aço estavam interligados,
apascentavam-se a si mesmos, se apoiavam!
E ainda assim continuavam pesados.
Eles acreditavam ser Deus, por conseguir amar,
sem ter que se movimentar!

E se viciavam no amor, em amar parados!
Amavam lembranças, cantavam acerca do passado!
Ali mesmo, interligados e estagnados!


Qual a  fraqueza, do ego de um homem de aço ?
"Não lutar por acreditar que não existirá  fracassos!"
Eu observava meio confuso (se estava tudo bem)
porque livres e fortes vivem como se fossem reféns?


Era isso que me assombrava "Homem de Aço o que lhe falta?"



Éramos totalmente de aços, quem dera fôssemos como o soldadinho de chumbo,
a historia nos perseguiria, e encontraríamos um novo rumo!
Mais aço e garantia de força na guerra,
aço e menos vida na terra!


Eu tive medo deste lugar,
quis fugir para acordar em meu mundo!
Aonde existem "O calor, O viver, O prazer e o Amor!"

E a ciência dali me me surpreendia,
 "Este e o grande mal do século, mais...Existe cura!"
Ditas palavras acordei!! E encontrei semelhante aventura!
Abri correndo as janelas e portas de minha casa,
respirei fundo,(esse e o meu mundo)
Não queria sobre mim aquela couraça de aço!
Queria lutar,tentar e recomeçar depois de cada fracasso!


Fui conhecer meu próprio mundo e me senti estranho!
Me veio a sensação boa de ter sido conquistado, de ter sido ganho!
Pude dividir melhor meus afazeres,
o meu corpo, e maleável e frágil!
Mais e superior em sensações e prazeres!


E neste meu mundo a ciência ainda e criança!
E para todo tipo de doença busca a cura,
e nós temos para o nosso futuro " Esperança!"
E o nosso Deus nos ensinará,
que o Amor deve envolver:
Presença física, Amizade, Respeito, Perdão e Bondade,
 "Verdade e reciprocidade, doe e dele, e dele irá receber!"

"E nossas crianças ainda brincam !"
 Nossos adultas reclamam mais no fundo acreditam...
Que todos nós estamos interligados!
Me lembrei daquele sonho!
Sabem o que eu acho?
Vamos lutar contra (o mau do século) E nos ajudar, somos de carne e osso,
Não somos "Feitos de Aço!"



"Homens de Aço!"


Autor:


lorisvaldolopes.blogspot.com.br
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados