music

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Alentos e suspiros




Me foges ao olhar longínqua
A figura remota de meu amor
Cingindo rendas esmorecidas
"Dez alentos meus por essa flor!"

Esvaindo por essa senda a minha vida...

Teus cabelos me acenavam
Enquanto o vento a contornava
Aos campos floridos se misturava
E meus olhos tingidos endoavam

Minha menina se ocultou no véu
E seus cabelos são sedas brilhantes   
Ela é amável e delicada
 Mesmo distante preenche o meu céu
Grande é meu amor, e bela é a minha amada.

Ela deixou livre as notas
E inspirado o coração
Trinta-réis-grandes  
seguem as gaivotas
E o amor vaga sem direção
E tu?
Onde te escondes?

"Não sou eu poeta!" E sim ela!
As rosas cercilham por tua fronte
Os ipês que enfeitam as florestas
A refletem no horizonte
Minha rainha se mistura a primavera




(Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados