music

domingo, 9 de agosto de 2015

"O futuro me fez voltar..."




Como eu ,pretensiosamente ousado alcancei a frente do tempo?
A sede e o sol causticante, me imploravam por agua limpa e fresca sombra...
Tracei um caminho, e sozinho aprendi o caminhos dos ventos.
Para trás entreguei ao passado o presente " Ser dormente que me zomba! "


Não me conformava com tão pouco!
Estava desinquieto e com tremores...
Não vi brotarem minhas plantações"Minha colheita de louco!"
Avancei adiantamentos, para sanar minhas dores...


Desejei-o  e o concebi ,depois das dores do parto!
Estava eu, ali vivenciando a recompensa da terra...
Preservando minhas recordações, para me orientar"Indefeso cercado por feras no mato!"
Presenciei as consequências, evoluírem de encontro ao que erra!


O que mais me chamou a atenção, " O futuro eu"...
Eu, de projetos! Eu de sonhos! Eu de acertos e erros!
Não tinha nada ali para mim! Minhas obras inacabadas se dissiparam"se perdeu!"
Tinha ali uma placa imensa "Retorno para viajantes a esmo!"


Confesso assumido! No futuro não existo!
Refaçam seus caminhos de volta!
Evolução meu caro, e muito! Mais muito mais que isto!
Pega suas obras, joga nas costas, e cultiva suas plantações sem" Revoltas!"



Não que não me queira, o futuro alcançado!
E que não me alcançam, as obras do passado!

Hoje sou presente! Mais com todas minhas forças " EU JURO!"
Vou voltar lá acompanhado!
 " NO FUTURO"


Autor;

lorisvaldolopes.blogspot.com.br
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados