music

sábado, 1 de agosto de 2015

Insistente...



E esse sonho que me assalta ,após o sono...
Minha cama mais reclama do que ama!
Este eu insurgente ,persistente "nascido do abandono"...
Não se rende ao frio, busca chamas,são suas "Proclama!"


Já não ando mais," sou levado"...
Travesso!
Ousado, apaixonado...
Sou arte abstrata,uma vida aos avessos!

Ao que mim obrigas? Pobre vida!
Me deixes pra trás," já disse não tenho"!
Sem folhas sem frutos, nem sequer raízes,"apenas lenho".
Esta estrada, e minha preferida!


Mais duradoura que vida de gente...
Devo seguir-te ! E o que farei!
Insistente,mais que gente...
Que acredita ser "Rei"...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados