music

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016



Meu Cristo

O mar tornou-se sólido
e a dor encontrará a cura.
A morte foi compelida
e à minh'alma 
estava viva...

À luz rasgou as trevas
dissipando todos os meus medos.
Nascentes de aguas cristalinas
brotavam na flor do deserto.

(Eu estava sendo seguido
por alguém que me amava)
Bem de perto.

Torrentes do rio da vida
vieram me encontrar...
"Pensava (eu) estar sozinho,
mas meu Cristo estava lá!"

Criança perdida
em meio a multidão...
Que gritava "Família!
Amigos! Irmãos!!!"

E ninguém havia,
para estender-me às mãos...

Até que à sua voz eu encontrei
a sua palavra saiu a minha procura...
O seu amor me alcançou.
e, me acordou d'um pesadelo,

Me fez emergir
Livrando-me dos pesos.
Meu Cristo? Ei-lo!
Acalmando a tempestade
e pedindo-nos 
"Não tenhais medo!"

 Eu te ajudarei.

(Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados