music

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Conceitos Poético.




Negrumes é bulcões em suas densidades,
sorvendo a lâmpada das descobertas, 
não sucumbe a luz da sanidade
na mais densa cerração trava labor, por brechas.

Ergue o véu da noiva
-alma recôndita
empírica corpórea,
generalizada ambígua e explicita!  

Nunca houve recesso em seu âmago,
para que dancemos teus en'fados,
ou nos fartemos em teus aparatos,
revelada'prova, a tênue deste bom trago.  

Paira sobre este bordão
o limiar dessas divisas,
apegado ao seus brasões,
os sábios'em vida. 

No charco raso,
de uma noite profunda,
lampeja um fidalgo,
mesmo na ausência da luz
resgata seus oriundos.

Um capricho, 
nunca será um fantasma,
desleixo optar por isso?
Se nas fantasias sonham as almas...

-O bem maior da vida usufruía,
lográveis viveremos por estes versos,
apaguem as luzes, mas a dor não cega a poesia,
sab'amor, tem instinto de fiel regresso. 
 

(Lourisvaldo Lopes da Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados