music

domingo, 21 de fevereiro de 2016

"O rei é a rainha de Solar"....

 

Quando cheguei em Solar
                                        Seus portões se abriram....

Como se abrem as pálpebras, se descobrindo dentro de um sonho
(Um bom é inesquecível sonho) Daqueles em que se tem o controle...

Como as partidas é regressos
do ensejo até a inspiração, ser transformada em versos!

"Assim, é Solar, sob os domínios de seu rei!"

Uma extensão inspiradora...
"De seu amor pela rainha"

Primavera regendo-o de amores
hálito suave, perfume de flores!"


Vigora perene, entre todos é qualquer, tal decreto:

"Todo homem tem o direito a ser um nobre"
 (se amar como o seu rei ama)

"Solar é de todos, as terras do rei não tem dono"
(tão livre como o pensamento logo após o cair do sono)

"Reina sobre Solar, ao lado do rei a sua rainha"
(todo homem que souber amar, pode dizer, Solar também é minha)

"É para o mundo que existe fora destes portões"
(lancem teus versos, poesias, rimas é canções)

"Findo este decreto assina o rei é a rainha de Solar"
(assim se inicia, sem fim, Solar o castelo de nossa utopia)


Castelo Solar...que tem um sábio, por nome de Dom.Exímio
sem dúvidas é um reino imensamente feliz...
Que vai, se erguendo em volta, de um eterno aprendiz!

 Discípulo desta quimera, de homens, belas é feras
 um pequeno homem, se embrenhou em sua própria esfera!

Para contar que nos corações dos loucos, também existe alegria,
perde-muito este mundo, em não aprender com as terras da fantasia !   

Em um val extenso entre os campos de eternas magias, sempre haverá uma fenda
aonde bem poucos enxergam, daqui vai partir incontáveis poesias...

...Continua... (outro dia)

...O rei descreve o seu amor pela rainha...


Autor:

Lourisvaldo Lopes da Silva


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados