music

domingo, 9 de abril de 2017

Mostra-me o caminho Senhor!...


2° poema
(O clamor de um Poeta)

Mostra-me o caminho Senhor!...

Noite passada, Efêmero o luminar celeste partia
Já quase sem forças de me despedir, agonizo
Da outrora força uma tênue lívida enfraquecida
Errantes caminhos distorcendo áureas do paraíso

Quem caminha ao meu lado? Pergunto-me sozinho!
O silencio preterido no fim sempre cala a razão
Sofre-se muito e por muito pouco, falta-me carinho
Minh'Alma Selena, um luzeiro fosco guia-te; Solidão.

És vinda do âmago crepusculado, ante o escurecer
Da noite frienta, o vento lânguido em ultima investida
Deus! Livre-me do mau que pesa-me ao esmorecer!
D'onde brotaram os rebentos...! "Suscita-me novamente a vida!"    

Aflito poeta é o que sou! Se não me sentir no céu
Me sinto preso e fadado a este chão...
Busco infinda inspiração, para adentrar por este véu

Deus permita-me compor! E me capacite, para falar de amor...

Quando busquei ao Senhor, ele não estava  no fim
Não estava na morte e nem estava no medo
Na verdade (ele nunca) havia se ausentado de mim
Encontrando-o, eu encontrei abundante vida, é um único segredo....

FÉ!

Mesmo esquecendo-o! Ele não me esqueceu...
Mesmo me distanciando ele sempre esteve ao meu lado
Eu me perdi sozinho! Mas ele nunca me perdeu
Deixei de ama-lo... Mas não deixei de ser amado

Bastou-lhe, uma fração de segundos
Para dissipar todas as trevas que me cercavam
E me ensinar os seus caminhos por este mundo
Compondo poesias por ele, segue regozijando a minh'alma.

Amém.

Sejam bem vindos ao Blogger  SEMENTESLANÇADAS
(uma jornada de fé e amor) através do mundo da poesia
grato por sua leitura ao texto e visita neste dia.
Bom tê-los/a aqui, Deus abençoe a cada um de vcs.

Abraços!

 L.L.S

Abaixo a imagem e o link para o 1° poema (O clamor de um Poeta)

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados