music

domingo, 23 de abril de 2017

Mini-conto infantil (Detalhe "Para adultos")



― Moço! Grita uma criança.
(Na falta do vento
...a balança não balança sozinha)

― O senhor tem tempo?
― Pra me balançar.
"Até...é...é...― o vento voltar!!!!

Tempo sobrando "pra uma criança
só tem uma serventia ―
E só serve para Brincar!"

― Meu tempo é pouco!
Responde o homem sério,
queixando-se, por não ser novo...
Justificando-se por ser velho!

(Mas no fim abre uma exceção)

― Tudo bem!
― Mas se o vento demorar muito a voltar
(te deixo sozinho) estamos combinados?

O menino de alegria se sentiu feliz
e de felicidade se encontrou risonho,
e piscou para o vento que estava escondido
um cochicho bem baixinho ― Deu certo!  
Criança valorizada, se sente em um sonho.

Mas o homem percebeu tudo,
mesmo o vento estando escondido foi visto...
(Afagando os cabelos do menino)

"Assustou-se ele então
a janela do seu quarto estava aberta,
ele que pensava estar mesmo vivendo acordou..."

― Mas...Mas! ( foi tudo um sonho?)
Parecia ser tão real (suspira triste)

O homem sem tempo não queria ter acordado
queria ter brincado mais...

Ainda bem!
O vento voltou bem naquela hora,
para buscar o menino da balança para fora,
"Antes que ele se sentisse sozinho"

― Você vem? ...Cochichou-lhe o vento,
notando que ele hesitava... 

― Para onde iremos? Perguntou-lhe o homem.

― Vamos aproveitar o tempo que ainda resta!

Hoje eu vi um homem velho,
com alma de criança...
Que vê este homem tão sério
dúvida, que por dentro dele existe um menino brincando...

Segredo que ele só revela
para o tempo, ouvindo-o sussurrar
em suas lembranças, os bons momentos
que viveu quando criança.



Fim


L.L.S
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados